Ousemos

 
 
 
 
Monet,Bouquet de Girassóis
 
 
Primeiro
a Mãe
fonte secreta
de nascimento e dor
abençoou
a dupla que somos
 
Depois
a Sacerdotisa
de uma qualquer religião
sem orações ou missas
entoou sobre nós
o cântico da promessa
e abriu-nos
o manto inefável
da protecção
ungida nos astros
 
Fortes auspícios
de uma mais forte evidência
da necessidade ingente de unirmos
as vidas desarreigadas
em torrentes solitárias
num mar de promessas
aberto ao futuro
 
Deixemos
que as forças menores
fragilizadas no tempo
marcadas no medo
vençam
a hostilidade do gesto
a negação da palavra
e ousemos sorrir
 
Temos a benção da mater
e a sagração da deusa
 
Ousemos
 
 
 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: