Os Cinco Elementos

 
 
 
 
William Turner
 
 
 
OS CINCO ELEMENTOS
 
 
 
 
Terra
água
ar
e fogo
assim se fazem
os seres da terra
assim se combinam
cruzam
e riscam
as substâncias do mundo
e ora esta
ora aquela
se destacam da força
que as empurra
umas
de encontro às outras
em movimento imperfeito
e logo se despegam
e vão caindo
e descendo
ou flutuando
e subindo
sem poder
e sem glória
 
 
Terra
água
ar
e fogo
frios
e ponderáveis
os elementos enlaçam-se
e aqui dão verde
de relva
ou de haste
e ali dão sopro
de vento
ou de brisa
e além dão corrente
de mar
ou riacho
e mais longe cratera
de vulcão
ou incêndio
 
Terra
água
ar
e fogo
e em paisagem de sonho
se figura o real
e os homens que somos
por eles andamos
ora em combustão
de sentimentos audazes
ora tremendo
nos gelos da fundura
ora caindo
em descida pesada
ora levitando
nas margens do acaso
mas sempre aqui
prisioneiros do solo
 
E em cima
ou em baixo 
no círculo infindo
do movimento eterno
para lá da atmosfera
que nos abre os pulmões
o éter divaga
suspira
ecoa
que sabemos nós
do elemento sem peso
que não é alma
nem ar
nem grito ou revolta
nem ondulação nem barco
ou remo
ou gaivota
 
 
Terra
água
ar
e fogo 
atiram-se
e abraçam-se
na imensidão dos longes
na lisura do perto
na confluência dos sonhos
no desapego do vento
na espiral das areias
no deslizar das correntes
no crepitar da madeira
nas faúlhas soltas
e algures o éter
muito acima do fogo
esbanja
magnífico
o poder do seu estro
infindável rasto
de perfeição
e mistério
 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: